REPERCUTE O FECHAMENTO DO NOVOJORNAL.

O Fax Sindical ontem denunciou o “empastelamento” do jornal eletrônico NOVOJORNAL. Um dos poucos redutos da imprensa independente de Minas Gerais, incomodava o candidato laranja de Aécio Neves, Márcio Lacerda. O PSB de Minas emprestou sua legenda para que o rico empresário pudesse organizar uma coligação que entregasse a Prefeitura de Belo Horizonte ao grupo político do Governador. Até aí não há nenhum problema, de negócios e acertos a política está cheia de exemplos. Não fosse o fato de Aécio utilizar-se dos préstimos do Prefeito Fernando Pimentel, do PT, para esquartejar o PT mineiro e impor essa coligação aos petistas. O interesse do grupo de Aécio em controlar a prefeitura de Belo Horizonte é tão grande que não se importaram nem em submeter o seu próprio partido, o PSDB, a uma humilhação: não fazer parte da coligação, apenas dar “apoio informal”.
O Novojornal dava informações, com base em fontes sólidas e publicação de cópias de documentos, sobre a atividade empresarial do Márcio Lacerda. Seus apoiadores, incluindo Aécio e sua turma, ficaram insatisfeitos. Em Minas é Lei: De Aécio, só boas notícias. Senão: adeus Liberdade( essa palavra…).
Márcio Lacerda, segundo a única pesquisa publica até agora (Datafolha), não vai bem das pernas. Disputa com a candidata do PSTU. Folgadamente na frente dele estão Jô Moares, do PCdoB e o Quintão, do PMDB (e base de apoio do Presidente Lula).
O resultado é que Aécio e seu grupo passaram recibo. Fecharam o Novojornal. Nos países ocidentais esse foi um fato inédito: o empastelamento de um jornal eletrônico. Ninguém foi preso, mas os computadores do Novojornal, segundo a notícia de “O Tempo”, foram levados pela polícia. O aparelho de repressão do Estado prestou seus seriços. As cartas estão lançadas. O Fax Sindical está divulgando esse fato na Internet (blog, mailing list e newsletter). Leia abaixo a matéria do blog “República Vermelha”, de autoria do jornalista Laerte Braga, sobre o fechamento do Novojornal. A fonte é http://republicavermelha.blogspot.com/2008/08/extraacio-impe-ditadura.html


Sexta-feira, 15 de Agosto de 2008
EXTRA:AÉCIO IMPÕE DITADURA

O NOVO JORNAL, um dos únicos independentes de Minas Gerais e que circula na Internet foi fechado por decisão judicial a pedido do Ministério Público do Estado, após ter revelado toda a sorte de mutretas que implicou na escolha de Márcio Lacerda como candidato a prefeito de Belo Horizonte, na aliança Aécio/Pimentel, respectivamente governador do estado e prefeito da capital.
A fusão PT/PSDB, cruzamento de mula sem cabeça com lobisomem e que resultou em PTSDB.
ESTADO DE MINAS, O TEMPO, THE GLOBE MINAS, etc, etc, podem mentir à vontade. São regiamente pagos com verbas públicas para enaltecer o governador homenageado pelos setenta mil espectadores do jogo Brasil e Argentina, mês passado, no Mineirão, com o coro “o Maradona, por que parou, parou por quê? O Aecinho cheira mais que você”.
O endereço é http://www.novojornal.com.br/

Já as mutretas na Secretaria da Saúde sob a batuta do deputado e secretário Marcus Pestana (de férias e em campanha eleitoral) neca de pitibiriba. Fica tudo do mesmo tamanho. O secretário interino de Saúde é um dos proprietários da ACISPES, uma empresa especializada em transporte de doentes na Região da Zona da Mata Mineira, serviços terceirizados. Por “acaso” é tucano como o secretário Pestana. Com verba pública constroem um “dormitório” para doentes em trânsito e lucros maiores.
A série de mutretas na FEAM (Fundação Estadual do Meio-ambiente) em concessões de licenças ambientais para grandes empresas operarem no setor de mineração e aterros sanitários, isso fica para depois.
O mensalão pago ao deputado federal Custódio Matos, sócio de empresa em Juiz de Fora, MG que aluga caminhões à Prefeitura bejanista em contrato superfaturado também fica para depois. O prefeito que substituiu Carlos Alberto Bejani preso por duas vezes, mantém intocados os esquemas de corrupção e especializou-se em passear pelas ruas da cidade contando número de mesas de bares em calçadão (para ver se está dentro da lei) e andar de ônibus para conhecer os problemas da cidade.
O deputado federal Custódio Matos é candidato a prefeito daquela cidade sob o abrigo de Itamar Franco (o que pensa que foi presidente da República).
O dinheiro do estado gasto em mutretas prodigiosas com planos de saúde corporativos em construção de sedes suntuosas, também fica para depois, ou à espera da Polícia Federal no encalço dos centenas de Zé Pastinhas do esquema Aécio.
Há cerca de um mês a mídia européia exibiu e mostrou um vídeo sobre os métodos usados pelo governador de Minas para comprar a imprensa estadual, mantê-la calada quanto ao desmantelo que preside o estado e como o que não pode ser comprado não pode ser comprado, o jeito é censurar e fechar.
Aécio está acima do bem e do mal, em viagem espacial no Rio de Janeiro e adjacências, onde mora, enquanto o contribuinte mineiro paga a conta tucana. O vídeo exibido pela tevê européia, feito por jornalistas mineiros e censurado aqui.

Sobre as denúncias feitas no vídeo, os jornalistas demitidos a pedido de Aécio e integrantes do governo, isso também é “coisa menor”. Coisa maior é impedir que os fatos sejam revelados como de fato acontecem e como o são na verdade.

É prática tucana. Serra censurou um vídeo feito por policiais mostrando o deplorável estado das delegacias e das políticas de segurança pública em São Paulo. Yeda Crusius assalta os cofres no Rio Grande do Sul. Isto não sai no THE NATIONAL JOURNAL da THE GLOBE. Não faz parte do receiturário do “general” William Bonner”, comandante dos exércitos da mentira midiática.

Colaboração do camarada

Laerte Braga

http://republicavermelha.blogspot.com/2008/08/extraacio-impe-ditadura.html
Technorati Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , ,


***TAGS***


BlogBlogs.Com.Br , Pingar o BlogBlogs, Technorati Favoritos, , Sobre o NOVOJORNAL na busca do Google: http://www.google.com.br/search?source=ig&hl=pt-BR&rlz=1G1GGLQ_PT-BRBR247&=&q=novojornal&btnG=Pesquisa+Google&meta=


Também no site Comunique-se, página http://www.comunique-se.com.br/index.asp?p=Conteudo/NewsShow.asp&p2=idnot%3D47144%26Editoria%3D8%26Op2%3D1%26Op3%3D0%26pid%3D40914771076%26fnt%3Dfntnl foi publicada uma matéria sobre o fechamento do jornal eletrônico. A matéria associa o fato a uma cobrança do NOVOJORNAL ao Procurador Geral do Estado sobre a lentidão dos processos que envolvem o mensalão mineiro. Leia:

MP de Minas Gerais tira site do ar por denúncias a procurador de Justiça

Carla Soares Martin

O Ministério Público Estadual de Minas Gerais tirou do ar nesta quinta-feira (15/08) o site Novo Jornal, por difamação a autoridades estaduais e federais, entre elas, o próprio procurador-geral de Justiça de Minas, Jarbas Soares.

Além de proibir o acesso ao site, o MP mudou a home, colocando uma mensagem da Promotoria Especial de Combate aos Crimes Cibernéticos, com o logo do Ministério Público.

O site fazia uma campanha contra o procurador Jarbas Soares, aproveitando um emblema do MP: “O que você tem a ver com a corrupção?”. O Novo Jornal acrescentava depois da pergunta o nome do procurador.

“Nós estamos cobrando do procurador que desempenhe seu papel. Reconhecemos que as matérias são polêmicas, mas queremos que o Ministério Público ‘desengavete’ denúncias que chegaram a Minas sobre o mensalão”, afirmou o diretor-responsável pelo site, Marco Aurélio Flores Caroni.

Além da justificativa de difamação, o MP disse que o site não teria um responsável. Caroni defende-se, explica que, na ausência de um jornalista responsável, quem responde pelo site é seu diretor.

A medida é uma liminar. Ainda não houve o julgamento de mérito da suspensão do site e o inquérito corre em segredo de Justiça.

Comente ou deixe um trackback: URL do Trackback.

Comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: