PROXIMIDADE DAS ELEIÇÕES ESQUENTA O CLIMA NO CRM-MG.

Alguns duvidam da veracidade dos fatos, que seriam confirmados apenas por relatos de testemunhas. Mas já é preocupante o boato que corre entre os médicos mineiros sobre o desfecho lamentável de uma reunião plenária do Conselho Regional de Medicina de Minas Gerais. A pessoa encarregada de coordenar a reunião teria sido tomada por destempero e dito palavras de baixo calão e, para completar, quase houve vias de fato. Essa situação, se verídica, quebrou o clima de serenidade que deve presidir às reuniões do douto Conselho, cujos membros devem dar o exemplo de uma conduta ética e educada.
O atrito teria acontecido em reunião de sexta-feira, 27 de junho, e o motivo de tais reações seria prestação de contas de despesas do Conselho em sua Delegacia em uma cidade do Triângulo Mineiro.
Devido ao clima eleitoral provocado pela proximidade das eleições do CRM-MG, disputadas por três chapas, o assunto circula com insistência no meio médico mineiro. Alguns médicos dizem que já viram até panfletos relatando o lamentável e triste episódio.
Seria interessante um pronunciamento oficial dos envolvidos. Ou um desmentido, caso nada tenha havido e não existam testemunhas do acontecido.Categorias do Technorati , , , , , , , ,
Technorati Profile
,

Comente ou deixe um trackback: URL do Trackback.

Comentários

  • Carlos Eduardo Siqueira  On 26 -julho- 2008 at 6:21 pm

    Sábado, 26 de Julho de 2008
    EXCLUSÃO DE CONSELHEIRO DA CHAPA 1 (33) – “DEFESA PROFISSIONAL” DO CRMMG

    Prezados Colegas de Minas Gerais,

    A carta, abaixo transcrita “ipsis litteris”, foi extraída do SITE DA CHAPA 2 – MEDICINA – “http://www.chapa2medicina.com.br/, aonde o texto original poderá ser acessado. Não foi possível fazer a sua colagem neste BLOG por se tratar de uma figura escaneada.

    Antes de exercerem o direito de votar na próxima eleição da Diretoria do CRMMG, não deixem de ler o documento original.

    Na minha opinião, o Dr. Luiz Gonzaga do Amaral é um dos pouquíssimos conselheiros dignos e honrados que integraram a Chapa 1(33) e se constituía também uma das últimas reservas morais e intelectuais da atual gestão do CRMMG.

    Um abraço a todos,

    Legatti

    EIS A CARTA MANUSCRITA PELO CONSELHEIRO, DR. LUIZ GONZADA DO AMARAL – CRMMG: 4556, ENCAMINHADA AO PRESIDENTE DO CFM E TORNADA PÚBLICA PELA CHAPA 2 – MEDICINA.

    “BELO HORIZONTE, JUNHO DE 2008
    AO PRESIDENTE DO CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA
    DR. EDSON DE OLIVEIRA ANDRADE.

    SOU CONSELHEIRO DO CRMMG E SINTO-ME NO DEVER ÉTICO E MORAL DE DIRIGIR-ME A V. S. COMO CONSULTA SOBRE SITUAÇÕES DE ALGUNS CONSELHEIROS DA ATUAL GESTÃO.

    SOU INTEGRANTE DA CHAPA 33 E NÃO CONCORDEI COM A CONDIÇÃO PROPOSTA POR LIDERANÇAS DA CHAPA 33 COMPOSTA DE MEMBROS DA DIRETORIA QUE PROMOVERAM UMA “ELEIÇÃO INTERNA” DE VOTAÇÃO SECRETA EM PLENÁRIA DO CRMMG PARA EXCLUSÃO DE 8 (OITO) CONSELHEIROS, APROXIMADAMENTE, E COMPOSIÇÃO DE UMA NOVA CHAPA QUE CONCORRERÁ ÀS PRÓXIMAS ELEIÇÕES.

    ESSE FATO DESCARACTERIZOU A DIRETORIA DA CHAPA 33.

    DA MESMA FORMA QUE A EXCLUSÃO, A ELEIÇÃO FOI REALIZADA NAS DEPENDÊNCIAS DO CRMMG INICIADA NA PLENÁRIA, O QUE FAZ COM QUE O MEU QUESTIONAMENTO TENHA SENTIDO E SIGNIFICADO PARA V. S.

    A COMPOSIÇÃO DA NOVA CHAPA 33 PODERIA TER SIDO REALIZADA DE OUTRA MANEIRA, COM CERTEZA DEMOCRÁTICA, COM A REALIZAÇÃO DA NOVA CHAPA, SEM FERIR OU AGREDIR O ESTADO DEMOCRÁTICO DE DIREITO,A DIGNIDADE DA PESSOA HUMANA – PRINCÍPIO FUNDAMENTAL DA CONSTITUIÇÃO FEDERAL, TRATADOS INTERNACIONAIS E OS MÉDICOS DO ESTADO DE MINAS GERAIS.

    PODERIAM COM ACORDO DE CAVALHEIROS OU MESMO ESPONTANEAMENTE OS ATUAIS CONSELHEIROS, DOTADOS DE DIGNIDADE, ABRIREM MÃO DE CONCORRER ÀS ELEIÇÕES, RESPEITANDO QUE O PODER DEVE SER ALTERNADO, COLABORANDO PARA O DESENVOLVIMENTO E EFETIVAÇÃO DO ESTADO DEMOCRÁTICO DE DIREITO.

    A MANUTENÇAO DO PODER NÃO PODE E NEM DEVE SER PERPETUADA, POIS JÁ PASSAMOS DA FASE DO MAQUIAVELISMO E FASCISMO, FELIZMENTE AGONIZANO DO MUNDO INTEIRO.
    SOMOS PELA LISURA E TRANSPARÊNCIA DE QUAISQUER MANIFESTAÇÕES DE QUAISQUER ENTIDADES.CRIOU-SE UMA SITUAÇÃO DE CONSTRANGIMENTO ENTRE OS CONSELHEIROS, INCLUSIVE EXPOSIÇÃO NEGATIVA DE CONSELHEIROS, COM CERCEAMENTO DE MANIFESTAÇÃO PLENA DOS CONSELHEIROS.

    O CRMMG RESPONDE E QUESTIONA EM VÁRIAS AÇÕES O CFM EM LIDES ADMINISTRATIVAS E JUDICIAIS – CHAPA 33 E CHAPA… (ilegível).

    FUI UM DOS EXCLUÍDOS E NÃO ME SINTO À VONTADE PARA CONTINUAR MEUS TRABALHOS NESTA GESTÃO, ENTENDENDO QUE MINHAS TAREFAS REALIZADAS, DEPOIS DA EXCLUSÃO DA CHAPA 33, NÃO SÃO LEGÍTIMAS MORAL E ETICAMENTE, UMA VEZ QUE FOI CONSUMADA A MINHA EXCLUSÃO DA CHAPA 33.

    DEVO ME CONSIDERAR EXCLUÍDO DA ATUAL GESTÃO?

    MINHAS ATIVIDADES EXERCIDAS DEPOIS DA EXCLUSÃO ATÉ O FINAL DO MANDATO SÃO LEGÍTIMAS?

    NESTAS CONDIÇÕES QUAL SERÁ O FUTURO POLÍTICO DO CRMMG E DOS MÉDICOS MINEIROS?

    É A MANUTENÇÃO DO PODER OU O BEM SOCIAL , A BEM DO QUAL O ÓRGÃO É RESPONSÁVEL?

    AGUARDO MANIFESTAÇÃO E ORIENTAÇÃO DOS FATOS E QUESTIONAMENTOS PROPOSTOS.

    ATENCIOSAMENTE,
    LUIZ GONZAGA DO AMARAL CRMMG: 4556″
    Postado por Dr. Legatti às 11:19 0 comentários Links para esta postagem

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: